ANTT anuncia nova tabela de frete, mas volta atrás
Notícias

ANTT anuncia nova tabela de frete, mas volta atrás

Anunciada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) no último dia 18, a nova tabela da Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas – PNPM-TRC, que entraria em vigor no dia 20 de julho, foi suspensa no dia 22 por pressão dos caminhoneiros autônomos.

Após uma semana de reuniões com transportadores, caminhoneiros autônomos e embarcadores, o Ministério da Infraestrutura anunciou que vai então estabelecer um novo acordo entre as três partes para definir novamente os valores de frete e o percentual para cada uma das 11 categorias de carga.

A tabela suspensa foi elaborada com base em um conjunto de estudos técnicos da ESALQ-LOG juntamente com outras entidades do setor. A nova metodologia de cálculo baseava-se em dois coeficientes de pisos mínimos, um referente ao custo de descolamento em reais/quilômetro e outro referente ao custo de carga e descarga. Os caminhoneiros reclamaram que estes cálculos não contemplavam a remuneração do caminhoneiro.

Enquanto o acordo não é firmado, voltam a valer os valores anteriores.

(Agosto/2019)


<< Voltar

Rede Social



Todos os direitos reservados
São Paulo
11 2949-3325 // 2939-1976
Itupeva
11 4581-9263
contato@pbextransportes.com.br
Desenvolvimento